Receba as atualizações do blog em seu Email

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Claustrofobia estremece festival em Portugal com Xandão na bateria

Esta é a terceira passagem da banda pelo Velho Continente – foto: divulgação


O Claustrofobia está literalmente devastando a Europa! Ao longo dos últimos 40 dias, a banda tem representado, e muito bem, a bandeira do heavy metal brasileiro no Velho Continente. 

Um das melhores performances do grupo aconteceu, recentemente, no renomado SWR Barroselas Fest, em Portugal. A 18ª edição do evento contou com a participação de nomes como Fleshgod Apocalypse, Enthroned, Entombed AD, Impaled Nazarene, entre outros.

Com certeza, a performance no SWR Barroselas Fest foi um dos grandes momentos desta excursão! O show foi sensacional, a galera estava insana e foi um grande prazer tocar para o encantador povo português”, declarou o frontmanMarcus D’Angelo.

Apesar de bem-sucedidas exibições, o Claustrofobia vem seguindo na estrada com muito heroísmo e principalmente profissionalismo. Infelizmente, o baterista Caio D’Angelo teve um problema de baixa imunidade e, por ordem médica, foi proibido de seguir na estrada.

O músico está sendo muito bem tratado na Alemanha e apesar do imprevisto, Alexandre de Orio (guitarra) e Daniel Bonfogo (baixo) também seguem confiantes e tranquilos.

Apesar da situação difícil, tivemos a grande sorte do Caio ser diagnosticado e tratado na Alemanha, país onde a saúde é 100%. Ele está cada dia melhor, em boas mãos e sendo acompanhado dia e noite. Ele está consciente, porém, proibido de tocar bateria, pois o repouso é crucial nesse tipo de tratamento. Por sorte, nosso tour manager é o Xandão, baterista do Andralls. Ele está substituindo meu amado irmão nesses últimos shows e acabou tirando as nossas músicas de ouvido de última hora. Xandão é um cara valente e somos muito gratos pelo que tem feito para nos ajudar e manter esta tour adiante. Fizemos algumas adaptações nas composições e o show no SWR Barroselas Fest se tornou algo histórico para nós, pelo fator emocional, pela receptividade do público e pela brilhante organização do evento. Toquei com toda minha força, garra e dediquei este show ao Caio. Apesar dos pesares, cumpriremos todos os compromissos! A missão continua e o fortalecimento é eminente! Gostaria de agradecer especialmente ao Imminent Attack que no ajudou e muito para nos reorganizarmos logisticamente”, explicou Marcus D’Angelo.

Para que não haja qualquer tipo de preocupação dos fãs, amigos e familiares, o baterista Caio D’Angelo também se manifestou sobre a situação. “Com certeza, não esperávamos por este tipo de imprevisto. Porém, os médicos não me deram outra alternativa que não fosse deixar a tour. Tudo que eu mais gostaria era de estar fazendo a minha parte nos shows, mas, neste momento, minha recuperação tem que ser a prioridade. Agradeço a todos da minha família, amigos, aos produtores, fãs, parceiros e a banda Imminent Attack, que entenderam a situação. Me sinto honrado em ter o Xandão me substituindo. Além de ser um grande amigo, ninguém melhor que ele pra agredir a bateria com o sentimento mais ‘malokero’ possível! Obrigado a todos! Em breve estarei de volta com força total”, finalizou o músico.




A “Visceral European tour” começou no último dia 2 de abril, na Alemanha, seguiu por República Tcheca, Holanda, Bélgica, desembarca na França, Espanha, Portugal, passa por Eslovênia, Itália, Suíça e termina em 24 de maio, na Polônia.

Fiel representante do metal nacional, com 20 anos de estrada e mantendo sua formação intacta desde 1996, a banda aproveitará a oportunidade para promover principalmente o recém-lançado DVD “Visceral – 20 anos” e o álbum “PESTE”.

Recentemente, a banda lançou videoclipe para “Metal Maloka”, uma das principais composições do DVD “Visceral – 20 anos”. O vídeo produzido pelo Studio Kaiowas está disponível em https://www.youtube.com/watch?v=8rdR5CeFW0Q.

Desde 1994, o Claustrofobia tem seguido a mesma proposta, independente de tendências, transitando do mais sujo underground aos palcos mainstream, com o mesmo respeito e atitude. Sempre se mantendo fiel a sua peculiar sonoridade, a banda chega a maioridade, completando 18 anos com a mesma formação. Já dividiram o palco com grupos consagrados, como Sepultura, Raimundos, Destruction, Napalm Death, Krisiun, Brujeria, In Flames, Ratos de Porão, Paul Di’Anno, Soulfly e Edy Rock e KL Jay (Racionais MC’s). Disco após disco, show após show, o grupo cresceu e tem desenvolvido uma legião fiel de fãs, que faz questão de mostrar a paixão que sente pelo grupo.

Produtores interessados em contratar o espetáculo do Claustrofobia devem entrar em contato através do e-mail  contato@claustrofobia.com.br.

Links relacionados:
https://www.facebook.com/claustrofobiaofficial
http://www.viabilizamusic.com.br
https://www.facebook.com/UltimateMusicPR

0 comentários:

Postar um comentário